Reunião em Duque de Caxias

julho 27, 2007 às 3:20 pm | Publicado em Caxias, Demandas, Disque-Mulher, Intranet, Ligue-Idoso, Niterói, Noticias, Ouvidor, Ouvidoria, Reunião, SEASDH, Secretarias | 2 Comentários

Duque de Caxias (RJ) – A Ouvidoria da SEASDH realizou nessa quarta-feira (25.07) mais uma reunião preparatória para o I Encontro Estadual da Ouvidorias de Assistência Social e Direitos Humanos. Participaram do evento representantes de 10 municípios – Belford Roxo, Itaboraí, Japerí, Magé, Mesquita, Niterói, Paracambi, Queimados, Seropédica e Duque de Caxias. O Ouvidor Marco Fonseca apresentou aos participantes o projeto do Centro de Tele-Atendimento e foram discutidos temas relacionados com os serviços de atendimento das secretarias e ouvidorias. Até o momento cerca de 31 municípios já acenaram positivamente com o estabelecimento de um sistema único de Ouvidorias, conectadas por uma Intranet, proposta pela Ouvidoria da SEASDH. A criação desse novo recurso vai gerar economia e evitar duplicidade de denúncias. As cidades vão compartilhar as estatísticas dos disque-mulher, idoso e racismo, possibilitando identificar demandas e elaboração de políticas públicas setoriais. A próxima reunião será dia 15 de agosto na região norte-fluminense. Mais informações com o coordenador dos encontros, Eduardo Oliveira pelo e-mail ouvidoria@social.rj.gov.br

Anúncios

2 Comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. É fundamental um governo metropolitano. A falta de comunicação entre os municípios da baixada e a capital é um dos mais graves problemas do nosso Estado. Depois que se comunicarem evitaremos duplicidade de ações, despesas e trablho de servidores. parabéns pela brilhante iniciativa !!

  2. Gostaria de demonstrar meu descontentamento com o sistema de transporte de Caxias, tendo em vista a falta de respeito com que as empresas que operam nesta área tratam os portadores de deficiência física
    A empresa Trel Transturismo Rei vem alterando seus carros, indisponibilizando os essentos reservados para os deficientes, sem sofrer qualquer repressão por parte das altoridades. Que atitude devo tomar, visto que já relatei o fato ao Detro, inclusive fornecendo o número de alguns carros alterados, e a Empresa continua com a mesma prática?.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: